Situação de caminhoneiros é insustentável, diz associação

07/12/2018

Por: Redação

A Associação Brasileira dos Caminhoneiros confirmou, nesta sexta-feira(7) que é contra uma nova paralisação da categoria, mas alertou que a atual situação dos profissionais é considerada insustentável.

O sindicato afirmou que representa 600 mil trabalhadores e atuou no diálogo com o governo federal durante a primeira manifestação, que fechou estradas em todo o Brasil no mês de maio.

A liderança dos profissionais informou, por meio de nota oficial, que está “perplexa” com a decisão temporária do Supremo Tribunal Federal(STF) de suspender a cobrança de multa das empresas que descumprirem o pagamento do piso mínimo do frete rodoviário.

O tabelamento dos valores estava entre as reivindicações dos caminhoneiros realizadas no começo deste ano para voltar as atividades.