Funcionários do SAMU são demitidos em Taubaté

31/07/2018

Por: Redação

A prefeitura de Taubaté, no Vale do Paraíba, interior de São Paulo, decidiu demitir três funcionários do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência(SAMU). Os profissionais foram acusados de realizar ilegalmente o transporte de um cachorro dentro do veículo na área destinada a remoção dos pacientes, o que é proibido pelo Ministério da Saúde devido ao risco de contaminação.

Os servidores alegam que tomaram a iniciativa porque existia risco de vida aos motoristas que circulavam em uma rua do distrito de Quiririm e foram chamados por moradores que tentavam retirar o animal da via.

A prefeitura de Taubaté informou que remanejou funcionários para não prejudicar o atendimento a população, mas realizará nova convocação para ocupar as vagas dos profissionais demitidos.