Índice de desaprovação do trabalho de parlamentares bate record

Mais da metade dos brasileiros considera o trabalho dos parlamentares ruim ou péssimo.

Os dados são da pesquisa realizada pelo Datafolha em novembro, depois da votação da segunda denúncia contra o presidente Michel Temer.

Apenas 5 por cento dos entrevistados aprovam a atuação dos deputados e senadores.

Na comparação com pesquisas anteriores, no início deste ano e em dezembro de 2016, a rejeição aumentou dois pontos percentuais.

Também diminuiu, na mesma proporção, a parcela que aprova a atuação dos congressistas. Eram 7 por cento na última pesquisa.

Com 60 por cento de reprovação, a avaliação marca o pior resultado em 25 anos.

O índice superou a maior rejeição, registrada em 1993, último ano da hiperinflação e do escândalo dos Anões do Orçamento.