Propaganda oficial sobre a Reforma da previdência volta a ser liberada

A propaganda oficial sobre a Reforma da providência voltou a ser liberada para circulação nas mídias nacionais.

Porém, entidades representantes dos servidores públicos afirmam que as propagandas dão a entender que o deficit da previdência é culpa do funcionalismo público e que apenas eles seriam atingidos pelas novas medidas.

No entanto, advogacia geral da união afirma que tais propagandas apenas explicam que as mudanças são necessárias diante da falta de recursos.