Aumento na tarifa de água é questionado no Pará

19/05/2017

Por: Redação

Uma ação civil pública da Defensoria do Estado do Pará questiona o aumento de 35% nas contas de água dos consumidores. Os procuradores alegam que o percentual foi anunciado sem transparência e que estaria longe da realidade econômica da população.

O reajuste afetaria, somente em Belém, 261 mil residências. O aumento, publicado no Diário Oficial do Munícipio em cinco de maio, é o segundo em 12 meses.

Em nota, a Companhia de Saneamento do Pará alega que atualmente a tarifa cobrada é a mais baixa de todo o Brasil e que os aumentos são amparados em Lei.

O documento questionando este novo valor foi apresentado ao Poder Judiciário de Belém em caráter de urgência e aguarda análise.